terça-feira, 8 de julho de 2008

Tem coisas que só acontecem na Ásia - de volta!

Parece que eu resolvi desenterrar algumas coisas aqui no blog. Ontem eu postei uma entrevista (aguardem, vem mais por aí e a minha próxima vítima já aceitou ser interrogado, hehehehe...), e hoje mais uma pérola das antigas: "Tem coisas que só acontecem na Ásia". Quem é leitor das antigas aqui do blog (se é que isso existe) deve se lembrar. Sim, tem coisas que só acontecem mesmo na Ásia, aquele continente longínquo, berço de todo povo de olho puxado (japas, chinas, coreias e por aí vai) e local de onde surgem as notícias mais esdrúxulas e inusitadas de todo o mundo. Sempre via muitas pérolas pela internet e não publicava nada por pura preguiça mesmo, mas resolvi voltar com ela.
Então, veja essa:

Contra fedor, cidade em Taiwan cria regras para uso de papel higiênico usado.

Uma cidade de Taiwan estabeleceu nesta semana medidas sanitárias para tentar diminuir as 340 toneladas de "mau cheiro" produzidas diariamente na região.

A cidade de Tainan pede que o papel higiênico usado seja jogado nos vasos sanitários, e não nos lixos apropriados.

"Um hábito antigo é jogar o papel nas latas de lixo ao lado do vaso sanitário, o que causa um mau cheiro que prejudica a saúde pública", diz Chang Hwang-jen, diretora do departamento de Proteção Ambiental.

O sistema de esgoto de Taiwan pode suportar a descarga de papel sem entupir os canos, o que representa uma ruptura com o passado. Tradicionalmente, a população da China e de Taiwan não tem o hábito de jogar o papel no vaso sanitário com medo de causar entupimentos.

Segundo as autoridades, o novo hábito pode representar economia para a cidade, que tem 764 mil habitantes e sofre com as toneladas de papel higiênico não-reciclável.

Notícia mais escatalógica do que essa tá pra aparecer, viu... Educação higiênica (esse termo existe?) para os taiwaneses já!

E mais essa:

Mulher usa chá para acalmar bandido e escapa ilesa



Uma mulher japonesa e sua filha de 6 meses de idade escaparam ilesas de um ladrão armado com faca nesta segunda (7).

Segundo o jornal Asahi, ele invadiu o apartamento da família e exigiu dinheiro, ameaçando as moradoras. A estratégia utilizada pela mãe foi simples: ela serviu chá ao criminoso e usou sua simpatia para acalmá-lo com um pouco de conversa.

Depois do chá, o invasor abandonou a faca e começou um monólogo de 20 minutos sobre sua vida.

A mulher resolveu dar cerca de US$ 90 ao ladrão e correu até a rua para chamar a polícia. Quando as autoridades chegaram, o criminoso já havia fugido. Ele ainda está sendo procurado pela polícia.

Chá? Sei que tipo de chá foi esse... Se a polícia fizer uma varredura na casa dessa senhora, é certo que ela vai presa por tráfico internacional de entorpecentes!

Ambos tirados do G1.

E a medida que as coisas forem aparecendo eu vou mostrando aqui...

Dr. Spock

1 comentários:

Fernanda 07 dezembro, 2008 00:15  

Eu queria ter nascido no Japão.
Esses caras tem solução pra tudo.

Postar um comentário


Aqui o espaço é seu, diga o que quiser: elogie, xingue, fale palavrão e o caralho a 4... Sinta-se à vontade!

Mas ATENÇÃO: faça o possível para não comentar como ANÔNIMO!!!

Obs.: Se estiver a fim de falar alguma merda pra me ofender ou tentar me denegrir, pelo menos não comente como anônimo e deixe no mínimo um e-mail para contato. Aguarde, que eu te respondo.

Links Recebidos

Úlimos Leitores

  © Blogger template 'Perfection' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP