quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Oloucomeu recebe ameaça de processo: de novo?

 O papo aqui agora é sério. Pelo menos por agora vou deixar de lado as piadinhas cretinas sobre os 7 anões e as pérolas do ENEM.

Acho que o título deste post diz tudo, né?! Sim, eu recebi uma ameaça de processo pela segunda vez. Para ver a primeira ameaça, clique aqui e aqui para ver o desdobramento da história. Mas volte de novo nesse post para terminar de ler sobre o segundo processo!



Sem enrolação, o que aconteceu foi o seguinte: comprei uma calça jeans a um tempo atrás (creio que em abril ou maio desse ano) que era muito barata, acho que cerca de R$ 30,00 (e que eu tenho que destacar, de boa qualidade), quando me deparei com a marca que tinha um nome muito engraçado, que passando por mentes mais perversas, poderia se transformar em motivo de chacota pesada. E foi isso que eu fiz: transformei isso em um post aqui nesse blog!
Obs.: Não vou citar aqui o nome, pois não quero mais ver o nome dessa empresa envolvida com o meu querido blog.

Pois bem, na semana passada recebo um e-mail muito revoltado do proprietário da empresa, dizendo que a imagem de sua compania estaria sendo prejudicada pois estava vinculada a algo imoral, que iria me processar por danos morais e que pediria a retirada do blog do ar. Pelo menos ele me deu uma chance: faça com que o nome da minha empresa não esteja mais vinculada as suas piadinhas na busca do Google. E, como o Google gosta muito de ler esse blog (e também sempre o recomenda), ele fez uma baita indexação que, procurando pelo nome da empresa, a primeira coisa que aparecia era o meu post, que segundo ele, estaria denegrindo a sua imagem.

Logo em seguida, recebo outro e-mail, dessa vez de seu advogado, que foi muito mais ameaçador e utilizando algumas palavras de cunho jurídico, talvez uma forma de intimidação: "...através de visualização no site google, ao lançar o nome xxxxxxxxxxx (nome da empresa), aparece seu blog, contendo imagens não autorizadas, bem como difamação e injuria com o nome de FAMILIA e da empresa de grande respeito, que está no mercado de jeans há mais de 25 anos..."

O que eu fiz foi tomar a atitude mais sensata e covarde possível: retirei o post do ar! Com isso, o nome da empresa já estava desvinculado do meu difamatório post. Respondi o e-mail do empresário e do advogado dizendo que o post foi retirado do ar e que as buscas do Google não trariam mais essa relação e pedindo desculpas. Rapidamente ele me retornou dizendo que por hora, o processo seria deixado de lado. Fiquei até aliviado.

Vocês podem estar pensando: "mas que atitude covarde", ou então que "isso não é passível de um processo", ou ainda simplesmente "que cara cagão". Digo que se fosse em outros tempos, quando eu era mais inconsequente e desbocado e ainda apenas um estudante universitário, com certeza debocharia do cara no e-mail e jogaria toda a troca de e-mails aqui no blog pra zuar com os caras. Mas hoje em dia, não posso me dar a esse tipo de luxo. A idade vai chegando e a minha vida profissional vale muito mais do que atitudes inconsequentes e peraltices pela web. Sem contar que dessa vez não acionei nenhum advogado para procurar saber sobre os meus direitos e se isso é mesmo passível de um processo.

O que me deixa mais chateado é o seguinte: onde foi parar a liberdade de expressão? Só porque eu coloquei a minha opinião sobre um produto, ou o serviço de uma empresa, ela pode me processar? O que eu coloco aqui são as minhas opiniões pessoais, só que de uma forma mais ácida, sei que as vezes até causa polêmica, como dessa vez. Mas não quer dizer que elas sejam verdadeiras ou que todo mundo vai pensar como eu! Por exemplo, uma empresa como a Nestlé lança um biscoito novo. E, por algum motivo, esse biscoito não me agrada, que eu ache ele péssimo e eu venha aqui no meu blog e meta o pau no produto. Qual atitude a Nestlé tomaria? Me processaria porque eu não gostei do biscoito dela? Claro que não! Com certeza ela iria querer saber quais os motivos que me levaram a não gostar do produto e com certeza iria refazer a f'órmula, mudar o sabor, ou tomar qualquer outra medida para que o seu consumidor ficasse satisfeito!

Essa semana mesmo eu vi um caso bem parecido com o meu, do blog Resenha em 6. Pra entender melhor do que se trata, clique aqui e leia a matéria publicada na Info Online. E eu fiquei espantado com o seguinte: o post em questão recebeu até agora mais de 700 comentários! Mas acabo de ver que o post foi retirado do ar, em um comunicado postado hoje, dia 30/09 (coloquei a data pois o post não tem um link direto! Mas você pode encontrá-lo mais facilmente clicando aqui).

O que posso dizer mais é que tomem muito cuidado com o que vão escrever daqui pra frente! Parece que virou moda processar blogueiro! Eu que não tenho conhecimento de outros acontecimentos desse tipo, senão colocaria todos aqui.

Se aconteceu isso com você ou se você sabe de algum caso do tipo, por favor, relate-o nos comentários!

E siga-me no twitter: www.twitter.com/oloucomeu

Dr. Spock

6 comentários:

luallessi 01 outubro, 2009 02:04  

aahhhhhhhhhhh agora eu queria ler o tal post...:(

Dia desses falavam no jornal sobre um hábito que está se tornando frequente: usuários, revoltados com produtos @$!#$!#$ estavam fazendo vídeos @#$!@#$# com os produtos e colocando no youtube. Segundo um advogado que falou sobre o gesto, as pessoas tem que tomar cuidado justamente pra evitar os processos. Segundo ele NINGUÉM pode ofender de forma generalizada uma marca, ou seja, nada de dizer coisas do tipo 'tal marca é uma porcaria' ou 'os produtos de tal marca sempre dão defeito'. Tem que deixar claro que foi UM produto...AQUELE que a pessoa adquiriu.

Olha, por um lado eu acho bom,não os processos, claro, mas essa chamada a responsabilidade das pessoas, inclusive na glogosfera. A gente tem direito a opinião, mas acho que tem que ter responsabilidade de não ficar falando qualquer bobagem sobre as pessoas, coisa que MUITA gente faz.

Enfim...Espero que com a retirada do post tudo volte ao normal.

Abraço

jomar 01 outubro, 2009 10:53  

Camarada seu erro foi o seguinte. Se vc estivesse dando sua opinião sobre o produto que comprou, eles não poderiam fazer nada, pois vc tem a liberdade de se expressar e dar sua opinião, reclamar ou qualquer outra coisa.
O Problema é que fazer piada com o nome da empresa, e por consequencia da família dona da empresa, não é opinião, e sim injuria, difamação, ou seja vc estará denegrindo a imagem da empresa atoa.
Cuidado com isso ai.
Abração

Mauricio Olmo 01 outubro, 2009 15:44  

Conheço outro caso sim.

http://www.pristina.org/2009/07/29/como-a-ag-407-e-alex-von-schonburg-querem-censurar-a-internet/

Só que é diferente do seu caso e do Resenha 6. Realmente não podemos confundir tom ácido com linguaguem chula e ofensiva. Não sei o que você escreveu, mas no Resenha 6 isto é que pegou mal, além do caso dos comentários anônimos não moderados se passando por funcionários da empresa. Eu mesmo postei como "Presidente Lula".

O comentário do Jomar é bem colocado. Reclamar de um produto/serviço, especificando que foi o ocorrido com você é uma coisa. Falar que a empresa é uma porcaria (daí para pior) é outra. Lá no iVox (e outros sites na Internet) você pode reclamar de produtos e serviços. Em um blog parece que as pessoas querem fazer campanha contra a empresa, denegrindo a imagem dela. Daí é que talvez caiba processo e o blog saia perdendo, tirando o post do ar e ainda pagando danos morais.

Anônimo 01 outubro, 2009 16:16  

O cara com certeza era zuado na escola por causa do sobrenome e mesmo assim não aprendeu. Temos liberdade sim de nos expressar.
Com certeza o que foi postado neste blog deve ter sido repetido por milhares de pessoas que conhecem a empresa, mas não acharam interessante postar na internet.

Rosana 01 outubro, 2009 16:20  

Eu acho isso RiDICULO da parte da empresa.
1°) Se tu coloca um nome que está passível a chacotas, tem que simplesmente aceitar;
2°) No Brasil, (ainda) temos liberdade de expressão. Acabou a censura da Ditadura, quando ngm poderia colocar suas opiniões. Vivemos na era da internet, nossa geração é mais crítica e usar o humor para expressar ideias não é crime algum!
Se a empresa dessa pessoa não era conhecida o suficiente para ficar em primeiro nas pesquisas do Google, só lamento pra ele!
Me admiro advogados que ainda pegam esse tipo de caso... o dinheiro realmente fala mais alto, hein!

Dr. Spock 01 outubro, 2009 23:24  

A todos que comentaram acima:
vou continuar sem mostrar o post que motivou o processo, pelo motivo que citei aqui (quem quiser ver de fato, me mande um e-mail que eu envio). Contudo, o que posso dizer é que apenas emiti uma opinião pessoal sobre o nome da marca, dizendo que em termos mercadológicos é um péssimo nome, ainda mais aqui no Brasil onde o povo adora zuar tudo e a todos!

Postar um comentário


Aqui o espaço é seu, diga o que quiser: elogie, xingue, fale palavrão e o caralho a 4... Sinta-se à vontade!

Mas ATENÇÃO: faça o possível para não comentar como ANÔNIMO!!!

Obs.: Se estiver a fim de falar alguma merda pra me ofender ou tentar me denegrir, pelo menos não comente como anônimo e deixe no mínimo um e-mail para contato. Aguarde, que eu te respondo.

Links Recebidos

Úlimos Leitores

  © Blogger template 'Perfection' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP